10 dicas para planejar um mochilão

Como começar mochilão

Voos baratos

Ver hotéis Aluguel de carros

Seu sonho é viajar por vários países, com a liberdade de explorar o que quiser? Quem sabe, sua vontade seja desbravar todo o Brasil, ou a América do Sul? O mochilão chegou para ficar, e acabou se tornando uma das formas mais práticas e econômicas para viajar e, realmente, aproveitar o roteiro. Por isso, aqui você vai ver 10 dicas para planejar seu mochilão!

  1. Escolher um roteiro

Escolher o roteiro do seu mochilão pode ser a tarefa mais difícil, já que é essa opção que guiará todo o restante da viagem. Não há como pensar em roteiro sem ter algum tipo de planejamento financeiro. Portanto, se há um bom dinheiro guardado, a dica é voar para longe: mochilão na Europa, mochilão na Ásia, mochilão na África, mochilão na Austrália, vale tudo!

Se a grana for mais curta, que tal conhecer nossos países-irmãos, enfrentando um mochilão pela América Latina? Os países latinos estão acostumados a receberem mochileiros de todo o mundo. Agora, se a grana for mais curta ainda, uma boa sacada de fazer um mochilão pelo Brasil mesmo – nosso País é tão grande, oferece tantas possibilidades, que pode ser uma opção surpreendente.

  1. Estudar o roteiro

Já sabe para onde vai? Pois saiba que, em um mochilão, seu guia é você mesmo. É você que cria seus passeios, roteiros, locais a visitar, restaurantes a conhecer. Você pode ter o auxílio de guias de bolso ou aplicativos sobre viagens (como o In Your Pocket, o Lonely Planet e o Local Life), mas, no final, a palavra de ordem é sempre a sua disposição e o seu planejamento.

Blogs de viagem (como o da eDestinos!) e fóruns de mochileiros podem ser de grande ajuda quando se fala em mochilão. Veja abaixo alguns sites que podem ajudar na hora do planejamento desse tipo de viagem:

  1. Planejar gastos

Que tal trabalhar em troca da sua estadia? Alguns hostels trocam alimentação e hospedagem por trabalho – se a grana for curta, você pode escolher essa opção.

Caso você tenha dinheiro guardado, paute sua viagem no valor que você tem, e deixe uma quantia apenas para emergências. Leve, também, um travel card – um cartão pré-pago conseguido em qualquer operadora de câmbio. Com ele, você pode pagar qualquer compra em estabelecimentos que aceitem cartões, e não precisará ficar andando com dinheiro vivo durante o mochilão.

  1. Planejar transporte

Como você viajará de um lugar para o outro, já pensou? Quer alugar um carro? Quem sabe, a melhor opção é pegar um ônibus ou trem? Sabia que pode ser até mais barato pegar um avião de uma companhia aérea low cost para se locomover pelos locais? O próprio Google Maps pode te ajudar com esse planejamento, e ainda há sites como o GoEuro, que compara os preços entre as cidades europeias e suas opções de transportes. Na hora de comprar passagens aéreas, é só vir aqui na eDestinos – temos os melhores preços!

  1. Fazer o roteiro

Faça uma tabela de trechos, horários e meio de transporte para cada pedaço da viagem. Não se esqueça de colocar na lista todos os pontos turísticos que quer visitar. O GoogleTrips pode te ajudar a fazer um mapa detalhado para sua viagem – e há diversos outros aplicativos que podem ser usados para isso, até mesmo em seu smartphone.

Mochilão pela Europa

  1. Documentação e vacinação

Vai encarar um mochilão internacional? Já tem os vistos e documentos necessários? Se não tiver, veja aqui os países que exigem visto de turistas brasileiros e países que exigem visto de trânsito (sim, mesmo se você fizer apenas uma escala, você precisa ter visto para alguns países). E o passaporte, está em dia? Outra boa dica é a carteirinha hosteleiro, um registro que você pode fazer para ter descontos ao se hospedar em hostels. O mais famoso do segmento é o Hostelling International.

Outro cuidado que você tem que ter se refere às vacinações exigidas para entrar em alguns locais – incluindo algumas regiões do Brasil. Você pode saber mais sobre vacinação obrigatória para viagem neste link.

  1. Planejar hospedagem

Prefere hostel, hotel, pousada, bed&breakfast, camping? Não importa sua opção! O que importa é que você planeje e reserve o quanto antes, para ter certeza de que haverá lugar na acomodação que você quer. Se estiver fazendo um mochilão um pouco mais livre, aproveitando o que der e vier, mesmo assim você pode utilizar nosso site de opções hospedagem. Não se esqueça de ler as opiniões dos usuários sobre determinados hostels e hotéis – você pode receber dicas valiosas. Outra dica importante para escolher acomodação é que você procure um hostel ou hotel próximo aos lugares que você quer visitar na cidade – ou, pelo menos, com fácil acesso ao transporte público.

  1. Seguro viagem

Se o seu mochilão é para a Europa, há 99% de certeza de que você terá que fazer um seguro viagem, porque esse serviço é obrigatório para que viajantes possam entrar em países signatários do Tratado de Schengen. Veja aqui a lista de países onde o seguro viagem é obrigatório.

Mesmo que você vá fazer um mochilão por outras áreas (América do Sul, somente Brasil, América do Norte, Ásia, África, etc.), é bastante importante que você adquira o seguro viagem. É ele que garante que você receba indenizações ou reembolsos em caso de doenças, acidentes, atraso ou cancelamento de voos, danos e perdas de bagagem, entre outras ocasionais situações complicadas.

  1. Fazer a mala

Aquela mochila gigante que os viajantes utilizam pode ser a opção correta para você. Porém, se você não for fazer camping, é bastante possível que você consiga se virar com malas de rodinhas, já que terá um hostel, hotel ou apartamento seguro para guardar seus pertences. Antes de qualquer coisa, veja a previsão do tempo e escolha suas roupas, calçados e acessórios baseados nisso. Leve em consideração, também, o tempo que passará em viagem, mas, lembre-se: viagem mais longa não precisa significar bagagem maior. Você terá mais mobilidade ser levar menos pertences – e pode lavar suas roupas no próprio hostel ou em lavanderias. Não se esqueça de colocar etiqueta de identificação e cadeados em sua mala, e mantenha seus documentos com você ou em um cofre. Fizemos uma dica bacana sobre como arrumar sua mala de mão, veja aqui!

  1. Curtir!

Passagens aéreas na mão? Roteiro definido? Malas prontas? Dinheiro contado? Hospedagem garantida? Então, a nossa última dica é: divirta-se! Se puder, registre os melhores momentos da sua inesquecível jornada. E, se quiser, conte para a gente como foi.


Veja outros assuntos que podem te interessar:

Voos baratos

Ver hotéis Aluguel de carros