Top 5 – Cidades na Bolívia

Cidades importantes na Bolívia

Passagens aéreas baratas para a Bolívia

Ver hotéis baratos Aluguel de carros Faça agora seu Seguro Viagem

Com diversas belezas naturais e costumes incríveis dos povos nativos, a Bolívia pode ser uma experiência turística inesquecível. Vamos falar sobre cinco cidades imperdíveis na Bolívia, para que você tenha um gostinho do que vai encontrar em nosso querido país vizinho.

Curiosidade: na Bolívia, a sesta é levada a sério. Tudo fica fechado entre as 12h e as 15h. Portanto, programe seu passeio respeitando essa tradição.

Sucre, Bolívia

Sucre

A capital constitucional da Bolívia às vezes é esquecida, frente à sua “concorrente”, La Paz. Porém, é uma experiência interessante para quem visita a Bolívia. Veja o clima da cidade na Plaza 25 de Mayo. Para um passeio cultural, conheça o Museo del Tesoro, a Casa de la Libertad e o Museu de Arte Indígena. A arquitetura do Oratório de São Felipe Néri é impressionante, e o mirante dá uma vista ótima para a cidade. No Parque Cretácico tenha contato com fósseis e ossadas de dinossauros. A vida noturna é permeada por ótimos bares e restaurantes.

La Paz, Bolívia

Foto de Matthew Straubmuller | Flickr

La Paz

Mesmo que Sucre seja uma capital, a vida política realmente acontece em La Paz, a capital federal. Mas não é isso que impressiona. A maior cidade da Bolívia é realmente uma metrópole. Na Plaza Murillo, você tem acesso às construções oficiais, como o Palácio Quemado e o Parlamento. Veja a arquitetura colonial na Calle Jaén. Fique impressionado (a) com a Igreja e Convento de São Francisco. Esquie na estação mais alta do mundo, Chacaltaya. Aventure-se na sinuosa Estrada Youngas. Passeie de teleférico. Em La Paz, até o cemitério é atração! Por fim, as montanhas Illimani e Huayna Potosí estarão lá, como plano de fundo desse passeio.

Cochabamba, Bolívia

Cochabamba

A cidade traz prédios coloniais e ótima preservação da cultura indígena. A central Plaza 14 de Setiembre pode ser o ponto de partida da sua visita. Conheça e compre alimentos e lembranças no Mercado de La Cancha. Cochabamba não é o Rio de Janeiro, mas tem uma estátua similar: o Cristo de la Concórdia, acessível por teleférico. Para observar a arquitetura, veja o Palácio Portales (e aproveite suas exposições), a Catedral de San Sebastian, o Convento Museo Santa Teresa, a Iglesia Santo Domingo e o Convento de San Francisco. Aproveite o Parque Arqueológico Incallajta.

Uyuni, Bolívia

Uyuni

O Salar de Uyuni já foi comentado amplamente aqui no blog, mas não é só de belas paisagens brancas que a região vive, há outras atrações que parecem saídas de sonhos, como o Vulcão Tunupa. Visite a Isla Incahuasi, seu mirante e seu Arco de Coral.

Potosí, Bolívia, Cerro Rico

Foto de Adam Jones | Flickr

Potosí

Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco, Potosí tem diversas belezas a serem descobertas, começando pelo Cerro Rico, um monte visível da cidade toda. Sua grande descoberta foi a prata, mineral que tornou a região conhecida. As minas estão abertas a visitação. Construções como a Casa da Moeda, a Igreja de São Lorenzo e o Convento São Francisco não podem passar despercebidas. O Arco de Cobija marca na história a segregação entre colonizadores e indígenas. Já no turismo natural, conheça a Reserva Nacional Eduardo Avaroa e a Laguna Colorada e o Parque Nacional Torotoro.


Veja outros assuntos que podem te interessar:

Passagens aéreas baratas para a Bolívia

Ver hotéis baratos Aluguel de carros Faça agora seu Seguro Viagem